Novidades

Testes

Competição

História

Apresentação

Home » Novidades

Em agosto BMW F 800 GS made in Manaus, a R$ 42,9 mil. E as Husqvarna vem aí!

Enviado por on 8 de Junho de 2011 – 23:2036 Comentários

A BMW deverá expandir ainda mais sua gama de produtos montados em Manaus sob regime CKD. Em evento realizado em Curitiba, SP, a marca bávara fez saber que sua enduro bicilindrica F 800 GS, deverá chegar às revendas da marca – na versão Premium, com computador de bordo e ABS – no próximo mês de agosto com preço estimado em R$ 42.900, cifra dezesseis mil reais inferior à moto equivalente importada da Alemanha.

A decisão de montar a F 800 GS em Manaus não surpreende, uma vez que o sucesso da operação da BMW na Zona Franca de Manaus foi comprovado pela boa aceitação da monocilindro G 650 GS e, mais recentemente, da naked F 800 R. Evidentemente com a redução significativa no preço de suas motos, a tendência é um crescimento cada vez mais consistente da fatia de mercado da BMW Motorrad no Brasil.

A Husky TE 449 chegará mais barata, montada em Manaus

Rumores também dão conta que na sequência a BMW Motorrad do Brasil iniciaria a montagem de quatro modelos da marca Husqvarna em Manaus: um deles certamente seria a TE 449, acompanhada de mais dois modelos dotados de motores 4T, assim como um dos modelos, menor, seria com motor 2T. Como se sabe, a BMW adquiriu a marca Husqvarna, cuja origem é sueca, das mãos do empresário italiano Claudio Castiglioni, dono da Cagiva e MV Agusta. Ao passar às mãos alemãs as Huqvarna receberam moderinizações pois o intuito da BMW é, através da marca, alcançar um público mais jovem além de se inserir de forma mais agressiva no segmento de motos off-road e de motos de  média e pequena cilindrada. A marca Husqvarna foi representada no Brasil pelo Grupo Izzo até bem pouco tempo atrás, e agora chega a hora de ver as Husky em lojas da rede BMW com preços mais acessíveis, boa assistência técnica e fornecimento adequado de peças. Viva!!!

36 Comentários »

  • Rocão diz:

    Que bela notícia para uma ótima moto, muito bem resolvida. Não falta nada, não sobra nada. Anda muito, curva muito bem e dá para chamar de on/off, o que muitas pretendem ser e não são. As coisas estão melhorando.

    • Gilberto Veronese diz:

      Acabei de adquirir uma F 800 GS (3/12/2011), após lista de espera de 45 dias. A moto é sensacional, com os cuidados que devem ser tomados para uma mota de grande altura x peso. Em baixa velocidade tem que tomar cuidado para a moto não tombar, pois se inclinar vc não a segura mais. Fora isso, há uma limitação em relação ao banco, muito estreito, inclinado e fino (espuma). Substitui no “Pedrinho Bancos”, substituindo o mesmo. Fora isso, você terá que investir uns R$ 5.000,00 em acessórios para deixar a máquina em ponto de viagens longas: para-brisa, protetores de mãos, protetor de motor /cárter, protetores de tanques fluidos de freios e bauletos. Após esse banho de Atacama Motos, a máquina tá no ponto para viagens longas. O motor é o ponto alto: suave, silencios e potente. Não vejo a hora de pegar a estrada …

  • Fabio Guido diz:

    Parabéns BMW!

    Simplesmente a melhor trail mid-size disponível no mundo.

    Que venham mais modelos BMW a fim de afinar a percepção de valor dos brasileiros, temos de pagar caro no que é excepcional e não no que é apenas bom.

    Versys a 30k, Transalp a 26k, XT 660 a 20k isso sim estaria correto!

  • Drausio Hermann diz:

    Glückwünsche BMW Motorrad! Parabéns BMW Motorrad Brasil! Os brasileiros agradecem e certamente vão retribuir à marca bávara com bons resultados!

  • Mauricio Martins Kaufmann diz:

    Ótima notícia…falta agora vir a aprilia para o Brasil, ai teremos praticamente todas as motos do “1º mundo”.

  • Rocão diz:

    Esta moto é bacana demais: anda paca, curva prá dedéu e incrível, chega a ser bela. É on/off de verdade, pau prá toda obra. E bebe pouco. Bem vinda seja com preço mais camarada. Acho bem mais equilibrada que os trambolhos de cilindrada superior do segmento.

  • Antonio Américo Filho diz:

    A coisa está ficando séria….. Ainda bem!!!!!

  • Drausio Hermann diz:

    Apesar da reconhecida competência deste modelo, tenho três cometários negativos sobre esta máquina: O tanque de 16 litros deveria ser maior, o banco tipo enduro poderia ser mais voltado ao turismo – há como opcional um banco comfort no mercado externo – e o farol baixo poderia acender nos dois lados – aumenta a segurança em viagens noturnas. Mas sabe como é, o perfeito não existe.

  • Rocão diz:

    Ei, estes defeitos equivalem ao mesmo que dizer que o dedo mindinho do pé esquerdo da Gisele Bundchen é feio.

  • Drausio Hermann diz:

    E o que é mais louco: enquanto a F 800 GS nacional chegará por R$ 42.900,00 na versão Premium, a Honda da Barra da Tijuca-RJ me pediu R$ 37.500 por uma Transalp com ABS. É mole…

  • Mauricio diz:

    Drausio, o que aconteceu contigo é o que comentei em outra matéria nesse site,como a honda tem praticamente o controle do mercado, bota o preço que quiser e que acha justo pela moderníssima transalp. Não vou conseguir entender uma pessoa que pague 37 mil reias em uma coisa dessas, aliás, não poderia nem passar de 30 mil. Tem que estar com disgosto pelo dinheiro para pagar isso. Sei que é outro estilo de moto, mas e a hypermotard 796 por 36.900 (deve ter que colocar frete e mais alguma coisa), mas é muito mais moto, e é DUCATI. Ainda tem a F 800R pelo mesmo preço.

  • Antonio Américo Filho diz:

    Pois é Dráusio, a Honda esta fazendo uma força enorme para perder mercado e não consegue. Acho que a próxima tentativa vai ser modificar a Titan e colocar o preço dela em 12 mil reais…….A J.Toledo não sabe o que fazer para não vender, e a Yamaha, bem, a Yamaha Japão ainda vai lembrar que existe a Yamaha Brasil………

  • Mauricio Martins Kaufmann diz:

    Meu comentário foi excluído?? Comentei após o Drausio dizer o preço que foi pedido pela Transalp.

  • Rods diz:

    Oq mata na GS e R 800 é o escape…. Muito feio.

    A R poderia ter uma suspensão dianteira invertida com regulagem…

    Ia ficar beeem melhor.

    Qnt a Yamaha Brasil…. Nossa…. Sem comentários…

    Entrem no site da Yamaha Argentina e tirem suas conclusões.

  • Antonio Américo Filho diz:

    Rods, segui seu conselho e entrei no site dos hermanos………..da uma raiva! Claro que lá, tudo é importado, enquanto nós, temos o privilégio de ter uma produção nacional de ……….YBR!!!!!!

  • Drausio Hermann diz:

    Rods, tambem entrei no site da Yamaha Argentina e vi a quantidade de produtos disponíveis. Não consigo entender porque no Brasil é diferente. Alguém consegue???

  • yuri calmon diz:

    Melhor seria se a BMW lançasse a GS650 com visual novo que ela já oferece em outros mercados mantendo a faixa de preço da atual, isso sim seria um sinal de respeito a nosso país !!!

  • Edu Nery diz:

    Rods e Drausio, esqueçam a yamaha, pq ela esqueceu o nosso mercado faz muito, muito tempo, uma pena. A fila anda…

  • Jean diz:

    Yamaha Brasil e uma piada, colocaram a venda a super Tenere 1200 mas dou um prêmio a quem achar alguma. Entrei em algumas revendas em SP e quase deram risada quando perguntei da moto. O atendimento e péssimo e voltado para vender 125 pra moto bou.

  • Lucca diz:

    Tomara que a Husqvarna traga o modelo CR 125 (dois tempos) para prática do motocross … essa motocileta é animal!!!

  • alex diz:

    Tenho um husq sm510 e, sem dúvida, é a melhor moto que já tive. Pena que era representada pelo requintado (e medíocre) grupo izzo. Que venha a BMW mostrando sua competência! Nós donos de husq fomos salvos!
    É o que tudo indica.

  • Ninho Praia diz:

    Drausio,

    Vc disse que o farol baixo deveria acender os dois lados. Isso não pode contar como defeito, uma vez que pra isso existe o farol alto, e pelos testes de visibilidade das motos Big Trail ela está no topo juntamente com a V Strom 650.

    Concordo com os amigos que a Honda ainda está na liderança do mercado, mas com o mercado emergente em que nos encontramos, logo terão que se enquadrar ou irão perder muito mercado.

    Esse dinossauro chamado Transalp deveria custar no máximo 30Dilmas e na versão Top.

    Que venha a F 800 GS.

    Abços.

  • andré diz:

    tó querendo trocar de moto, tenho uma hornet 2010, sera que vou estranhar a gs 800 f ?

  • Rocão diz:

    André, a F800 é outra praia. Só valerá a pena se for usar no asfalto ruim ou ausência deste. Quatro canecos são quatro canecos.

  • Ninho Praia diz:

    André,

    Duas categorias totalmente diferentes, vc ker sair da Hornet pra BMW F 800 GS, nada a ver um modelo com outro.

    Se vc gosta do estilo Hornet não creio ke irá se adaptar ao estilo F 800 GS.

    No máximo poderia trocar pela F 800 R e olhe lá ainda.

    Abços.

  • raul moreira diz:

    Acabei de vender a minha segunda amada XT 660, e fui voando para concessionária da BMW aqui de Goiânia, dei um sinal com forma de ser um dos primeiros a montar na F GS brazuca. Sou o quinto da fila. EScolhi a BRANCA, mas deixei claro que se alguém desistir, pego a LARANJA , mesmo.
    Apesar de adora a XT, desde que a F8 foi lançada na Europa, babei.
    Agora estou prestes a tremer de emoção quando subir nessa maravilha.
    Vou deixar para pensar na manutenção lá na frente…
    Por enquanto mal consigo dormir direito…

  • PAULO diz:

    O MEU SONHO SE TORNARA MAIS PROXIMO DA REALIZAÇÃO.PARABENS BMW!!!

  • Carlos diz:

    Retificando a informação de uns dos colegas acima o tanque é de 20 Lts, sendo 15 e 5 reserva autonomia aproximada de 320 Km, os bancos possuem perfil, baixo item de série, perfil alto, rally e confort, todos importados, quando ao escapamento a BMW possui outro modelo da AKAPROVIC, por volta de R$ 4 a 5 Mil reais instalado na concessionária BMW, tenho a minha a mais de 2 anos, não tenho nada que desabone. Agora quem estiver pensando em comprar uma fique atento a preços de acessórios ex jogo de malas laterais e top case R$ 10 mil..outro coisa interessante da BMW Motos é a diferença de preços nas revisões entre as concessionárias..indico somente a Caltabiano ou no Interior Eurobike. Valeu Abraços a todos.

  • edimar diz:

    então Raul, estou na mesma situação sua, na espera, mas com certeza
    vai valer a pena a espera, pois é melhor esperar e realizar um sonho
    do que sonhar….
    abraço a todos…
    edimar

  • Balestra diz:

    Oi. Tenho uma G650GS é uma moto maravilhosa, mas vendo a F800GS, ja to com finikito pra trocar…

  • Márdio diz:

    Andé e Roção, Tenho uma Hornet 2009 em 2012 vou trocar por uma GS, esta é minha intenção, isto porque gosto e viajo sempre acima de 1000Km. Com duas pessoas, Eu e a Esposa Fica difícil. Gostaria de ter as duas e viver com as tres…

  • Serginho diz:

    Lí todos os comentários e diria por experiência que, tocar de Santa Catarina até Iquique no Chile com uma moto de pouca autonomia é complicado. Chateia ter que ficar abastecendo o tempo todo. Porém, nada impede de levar uma reserva de 5 litros. De Corrientes até Salta tem muitos trechos com poucos postos e atravessar o Atacama requer abastecer em toda baiuca que aparecer. E, garanto…a F 800 GS é uma excelente máquina para faze-lo, mesmo com o tanque não sendo aquilo. Se ainda não foi, vá. Se já foi é claro que irá de novo. Se for de 800 GS, vai adorar !
    Abração moçada.

  • Emílio diz:

    Gostaria da opinião dos amigos. Estou na Europa e só teria custos com impostos, não com o translado, vale a pena levar uma F 800 GS daqui? Lançaram a Crossrunner mas não tenho referências. Obrigado e bons ventos.

  • valdecir diz:

    rsrsrs,e que a honda se esquive com essa transalp,,acabou a moleza,quem quiser vender vai ter que ter qualidade e preço convidativo,to achando lindo essa briga de montadoras

  • CARLOS BAIAN diz:

    Falam tanto que essa moto é linda,e eu lembro que pouco tempo atrás desceram o pau na minha versys, farol feio, um sobre o outro e esse do lado da bm, horrrrrrrrrrrrrrrrivel, a versys nao pode cruzar o mundo, tanque pequeno, balela, a perfeita bm tem 16, versys 19, escape feio pra uma moto de 42 mil, em baixa perde pra versys, ja testamos aqui, outros dizem e so trocar o banco, tenho amigos que tem ducati 1200 e a gs 800 todos sao unanimes a dizer que o bco da versys e mais confortavel, portanto moto perfeita nao existe, antes de comprar experimente, aquela que mais te agradar, compre !!! off road compre uma tornado velha deixe pelada e caia na lama,as grandes e pra asfalto

  • Edson Luiz de Mello diz:

    Amigos eu tive por duas vezes uma xt 660r 2010 adorei e amo esse estilo de motos, mas quando eu vi a f800gs da bmw ai então eu elouqueci pelo o modelo e estilo maravilhoso, não via a hora de comprar uma desas. Ai um amigo comprou uma branca 2011 e me deixou dar uma volta ai amigos foi o fim da xt 660r, logo vendi e comprei a minha do meu sonho a BMW F800 GS, Azul com branco no dia 13-04-2012 sexta feira. Amigos ate agora só fiz uma viagem curta na serra da graciosa no parana cheia de curvas mas parece que estou nas nuvens de tão boa nas curvas e a pilotagem é encrivel a macieis da moto com eseção do banco que realmente a minha carona reclamou muito do desconforto que ela centio, mas para não perder a carona vou comprar outro banco confort no pedrinho banco, amigos eu só tenho 1,63mts a moto e muito alta vou pedir para o pedrinho fazer um banco especial mais baixo para mim. valeu amigos um abraço Balneario Camboriu – SC.

Deixe um comentário

*