Novidades

Testes

Competição

História

Apresentação

Home » Apresentação, Novidades

GOGORO LANÇA SMARTSCOOTER 2

Enviado por on 8 de Junho de 2017 – 14:421 Comentário
 

Screen Shot 2017-06-08 at 11.18.23 AM

É praticamente inevitável que uma dia passaremos dos motores à combustão interna para os elétricos. E, apesar disso parecer desanimador para muitos, o futuro é excitante. O que temos aqui é a segunda geração do scooter da Gogoro, uma empresa Taiwanesa que produz scooters com baterias facilmente removíveis que podem ser trocadas em um posto de recarga. I idéia é inovadora pois elimina o tempo de espera para a recarga, o usuário simplesmente vai até um posto da Gogoro e troca suas baterias gastas pelas carregadas enquanto as suas ficam lá recarregando para o próximo usuário.

Screen Shot 2017-06-08 at 11.19.13 AM

Deste ângulo (acima) podemos ver direitinho as duas baterias e os dois capacetes que cabem sob o assento. Esta segunda versão do Smartscooter ganhou mais espaço, rodas maiores (14″ na frente e 13″ atrás) e suspensões com mais curso. O novo motor elétrico de 6,4 kilowatt  entrega performance semelhante ao anterior, suficiente para acelerar de 0 a 50 km/h em 4,3 segundos e atingir uma velocidade máxima de 90 km/h. O conjunto de baterias permite uma autonomia de 110 km, nada mal para um veículo urbano!

Screen Shot 2017-06-08 at 11.18.48 AM

Outra novidade para a segunda geração do Gogoro é o novo sistema de segurança. Mesmo que a chave seja roubada, o scooter só poderá andar após o reconhecimento da impressão digital via sensor do smartphone.

Screen Shot 2017-06-08 at 11.19.32 AM

No momento, o Smartscooter está sendo comercializado apenas em Taiwan, onde já existem mais de 350 postos de baterias. Este novo modelo teve seu preço reduzido quase pela metade, apesar dos benefícios que recebeu. Custará o equivalente a R$ 4.247. O único lugar fora de Taiwan onde pode-se ver um Gogoro é em Berlin, na Alemanha, onde há um esquema de uso compartilhado destes scooters. A marca planeja entrar na França com um sistema similar e eventualmente se espalhar pelo velho continente. Quem sabe um dia chegue por aqui também? Seria ótimo!

Imagens: Divulgação

 

LEIA TAMBÉM:

  • Lucas Braga

    Fantástico! Apesar de todo o oligopólio dos setores de energia fóssil, vários projetos sustentáveis vêm tomando voga no mundo. Uma pena não conseguir vislumbrar tal cenário no Brasil…