Novidades

Testes

Competição

História

Apresentação

Home » Novidades

SUZUKI INAZUMA, POR R$ 15.900

Enviado por on 6 de Maio de 2014 – 15:3010 Comentários

Suzuki Inazuma 250 12  1 A Suzuki revelou o preço da sua mais recente moto de 250cc, a Inazuma, que chega às concessionárias ao final deste mês de maio, por R$ 15.900. Agora a marca entra oficialmente para a briga em um dos nichos mais disputados de nosso mercado.

Suzuki-Inazuma-instrument-clusterA Inazuma possui um motor bicilíndrico, com refrigeração líquida, capaz de produzir 24,5 cv de potência a 8.500 rpm e 2,24 kgf.m de torque a 6.500 rpm. O peso medido com todos os fluidos é de 182 kg. Portanto, é mais pesada e menos potente que uma Kawasaki Ninja 250R, que ainda pode ser adquirida nas concessionárias, modelo 2012, por R$ 13.990. Mas a proposta do modelo da Suzuki é diferente, privilegia uma tocada menos esportiva, com mais torque disponível em rotações baixas. A arquitetura do motor de dois cilindros foi escolhida para suavizar ou até mesmo eliminar as vibrações normalmente encontradas em motores monocilíndricos, dos quais são dotados a maioria da concorrência (Yamaha Fazer 250, Honda CB 300R e Dafra Next 250).

Suzuki-Inazuma-India-2A novidade da Suzuki ainda conta com alguns diferenciais interessantes como o escapamento com duas ponteiras, uma luz de alerta para intervalos de manutenção e um shift-light (luz-alerta de rotação), que pode ser ajustado para auxiliar na economia de combustível ou aproveitar melhor a potência do motor, mas pode também ser desligado. De acordo com a fabricante, o modelo é capaz de rodar até 30 km com um litro de gasolina. O consumidor poderá escolher entre três cores disponíveis: vermelha, preta ou azul com branco.

image002Confira nossa avaliação do modelo na edição 232 da Revista da Moto!

LEIA TAMBÉM:

  • Tabajara – São Carlos – SP

    Muito bonita essa Suzuki, embora bastante pesada para uma 250.
    Mas com certeza, vai fazer sucesso.

  • LEONARDO FERNANDES

    ela tem 2 coisas a favor; é bonita e tem 2 cilindros.
    e todo o resto contra ;baixa potencia pra cilindrada, alto peso,
    alto preço e a J. TOLEDO fazendo sacanagem com as concessionárias.
    15.900 só pode ser piada. infelizmente já nasceu morta.

  • http://googl LEO BORGES

    A j. toledos enquanto os concorrentes já lançaram os modelos 250 a quase 10 anos atrás ,a j anuciou á três anos a inazuma 250 no mercado brasileiro.
    MAIS 1 ano de projetos e 2 preço finais,quando…concluído se dá nesse valor de uma de 500 cc enquanto no mercado internacional ela se defazou a preço de uma 125 cc ,somos brasileiros descendente de português… mas…burro é o nosso vizinho ,como dizia o saudoso Bussuda ..é sério?
    Ou fala séeeeeeeerio !

  • Boca Maldita

    Na boa, eu sou um tremendo boca maldita. Anos atrás, quando a Honda lançou a Pop, eu cantei a pedra: essa não vai vender! E não vendeu.
    Agora canto a pedra de novo: por este preço a Inazuma vai vender sim, mas muiiito menos do que a Suzuki gostaria. Pena, pois eu ia comprar.

  • Altair

    R$ 16.000,00 kkkkkkkkkkkkkkk

  • Haroldo Bertolucci

    Poxa a J Toledo está brincando, essa 250 poderia ser lançada em 1990, ela está ultrapassada e muito cara. Será que vai vender no Brasil, veja o exemplo da Kawazaki e Yamaha lançando motos super esportivas na categoria. acredito que essa suzuki não decola.

  • marcio

    a pop já vendeu mais de 70.000 unidades em 2014, ela vende muito

  • eder leal

    Minha Dafra Next com um cilindro anda mais.

  • octavio

    Fui na Autorizada Suzuki aqui da minha cidade ( Praia Grande ) e realmente a moto é bonita ,encorpada e muito bem acabada , porém seu preço será o fator determinante para seu fracasso em vendas aqui no Brasil , pouquíssimas pessoas irão pagar os 15.900,00( + documentação ) pedidos , por uma moto de 250cc apenas e depois de pouco tempo sofrer a perda de uma desvalorização enorme , pois se após 1 ano de uso ela valer 12mil , é mais fácil comprar uma Fazer ou CB zero por um pouquinho a mais…pense nisso.

  • AJ Guima

    Definitivamente a Suzuki não quer aumentar as vendas no Brasil. Preço proibitivo, muito pesada e sem a potência necessária. A Suzuki tem que desenvolver motos para o mercado Brasileiro. Faz como a Yamaha! Pega a líder de vendas, estuda e desenvolve uma moto aprimorada, como foi com Titan x Fazer e Bros x Crosser. Desenvolve um quadro com aço e soldas de qualidade para baixar o peso um motor durável, pequeno e potente. No motor pode até colocar uma refrigeração líquida. Coloca uma suspensão monochoque com uns 12 cm de curso numa 150 cc. Bota freios a disco nas duas rodas. Muda a maldita caixa de direção e bota mais curso nas bengalas.